Touro brasileiro já 'distribuiu' 650 mil doses de seu sêmen

01/10/2013 19:55

O mesmo cuidado com cavalos milionários é registrado com os bovinos. O touro reprodutor mais consagrado do mundo, o Backup, por exemplo, é brasileiro. Ao todo, cerca de 650 mil doses do sêmen do animal já foram comercializadas.

Recentemente, descobriu-se que ele é filho de um animal produzido e comercializado pelo IZ (Instituto de Zootecnia) do Estado de São Paulo. Em um leilão realizado no começo do mês em Sertãozinho (333 km de São Paulo), o IZ faturou R$ 380 mil com a venda de 95 animais.

Antes de serem vendidos, os animais são classificados como de elite, superior, mediano, comum e inferior. Entre os itens classificatórios estão peso e altura. Além disso, são avaliadas características como estrutura corporal, precocidade e musculosidade.

A paternidade do touro Backup causou polêmica no início do ano. Acreditava-se que o animal recordista em venda de sêmen fosse filho de Fajardo. Uma pesquisa, porém, não reconheceu a paternidade, agora atribuída ao touro Gabinete do IZ.

A paternidade foi anunciada em agosto após exame de contraprova produzido pela empresa CRV Lagoa, que comercializa o sêmen do Backup. Uma dose do esperma do animal varia de R$ 61 a R$ 89 (identificado o sexo).

Em média, cada dose e meia de sêmen do animal gera uma gestação.

A dose do sêmen do touro Ganhoso, também do IZ, é comercializado pela CRV Lagoa ao preço de R$ 500, segundo a direção do instituto.

Fonte: Folha de São Paulo