Procura por touros reprodutores causa aumento no preço do animal

26/09/2014 14:24

Criadores de todo o país se preparam para o início da estação de monta.
Negócios estão acelerados em Mato Grosso do Sul.

 

Do Globo Rural

 

Os criadores de todo o país se preparam para o início da estação de monta. A busca por touros reprodutores causou aumento no preço do animal. Os negócios estão acelerados Em Mato Grosso do Sul.

O pecuarista Jerônimo Machado cria touros reprodutores da raça nelore na fazenda Olho D'água em Terenos, na região central de Mato Grosso do Sul. O trabalho de seleção e avaliação genética é realizado há mais de 15 anos na propriedade. Os animais disponíveis são vendidos em leilões e na fazenda. A comercialização é realizada com criadores de todo o país.

"A gente tem desenvolvido essa logística de entregar para um criador seja no Pará, na Bahia ou no Acre. Então, isso tem facilitado muito aumentado nosso leque de clientes. Não ficamos restritos aos criadores do Mato Grosso do Sul”, diz Machado.

O período que antecede o início da estação de monta é considerado melhor momento para comercialização de reprodutores. Dos 250 touros disponibilizados na fazenda este ano, 60% já foram vendidos.

Com a procura maior, o preço pago por animal subiu. "Esse ano está muito aquecido. Os preços, em geral, tanto de bezerro quanto de boi gordo subiram consideravelmente. Nós estamos com preços em ascensão. A gente sente que a demanda também está mais aquecida. Eu já vendi 60% da safra de touros, o que acontece normalmente acontece só no mês de novembro”, completa Machado.

Apesar do aumento no preço, tem criador que não se importa em pagar mais por animais de qualidade. Todos os anos, o pecuarista Antônio Trigo vai a Mato Grosso do Sul para comprar os reprodutores que utiliza na estação de monta.

O volume e o preço dos touros comercializados também já aumentaram na empresa de leilões em Campo Grande. “É o melhor momento porque estamos perto da estação de monta. Esse ano nós tivemos um aumento em relação ao ano passado já de 16% na quantidade de touros vendidos e um valor que nós conseguimos a mais, devido a vários fatores como o aumento na arroba, de 23% no aumento touro", avalia Aguiar Pereira, diretor da leiloeira.