Livro - 500 perguntas - 500 respostas - Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

07/12/2015 16:18

A integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) é definida como uma estratégia de produção sustentável que integra atividades agrícolas, pecuárias e florestais, realizadas na mesma área. A implantação desses sistemas ocorre com base nos princípios da rotação de culturas e do consórcio entre culturas de grãos, forrageiras e/ou espécies arbóreas, para produzir, na mesma área, grãos, carne ou leite e produtos madeireiros e não madeireiros ao longo do ano. 

Portanto, enquanto estratégia, a ILPF pode ser adotada por meio de diferentes sistemas de integração, como por exemplo a integração lavoura-pecuária (ILP) ou sistema agropastoril; a integração pecuária-floresta (IPF) ou sistema silvipastoril; a integração lavoura- -floresta (ILF) ou sistema silviagrícola; e a integração lavoura-pecuária- -floresta (ILPF) ou sistema agrossilvipastoril. 

Esses sistemas têm o objetivo de intensificar o uso da terra, e fundamentam-se na integração espacial e temporal dos componentes do sistema produtivo, para atingir patamares cada vez mais elevados de qualidade do produto, qualidade ambiental e competitividade. 

A intensificação da produção, observada em sistemas de ILPF, acarreta diversos benefícios ao produtor e ao meio ambiente, ou seja, melhora as condições físicas, químicas e biológicas do solo; aumenta a ciclagem e a eficiência na utilização dos nutrientes; reduz ou amortiza custos de produção das atividades agrícola, pecuária e florestal ao longo do tempo; diminui a ociosidade do uso das áreas agrícolas; diversifica a produção e estabiliza a renda na propriedade rural; viabiliza a recuperação de áreas com pastagens degradadas; mitiga emissões de gases de efeito estufa (GEE), aumenta o sequestro de carbono, o bem-estar e a produtividade animal, além de outros diversos benefícios. 

Os sistemas de ILPF podem ser adotados por produtores rurais, independentemente da dimensão do estabelecimento agropecuário, 20 e devem ser adequadamente planejados, levando-se em conta os diferentes aspectos socioeconômicos e ambientais das unidades de produção. Portanto, o melhor sistema de integração é aquele que se adequada à realidade de cada propriedade rural no intuito de proporcionar a ela mais viabilidade e sustentabilidade. Entretanto, o sistema mais adotado atualmente é a ILP, em que o consórcio de culturas anuais com forrageiras figuram como uma das principais práticas em uso nas propriedades rurais do Brasil. Mas verifica-se aumento na adoção dos sistemas de integração com componente florestal (IPF, ILF e ILPF), o que tende a crescer nos próximos anos. Para que todos os sistemas de ILPF sejam adotados com êxito, o produtor rural e o técnico de Ciências Agrárias devem estar capacitados e buscar continuadamente conhecimentos sobre a complexidade e as exigências desses sistemas.

 

Para acessar a obra na integra clique aqui:

http://mais500p500r.sct.embrapa.br/view/pdfs/90000033-ebook-pdf.pdf

logo-sct

 

Nessa obra você encontrará perguntas e respostas sobre os seguintes temas:

  • Conceitos e Modalidades da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Benefícios da Adoção da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Implantação de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária
  • Implantação e Manejo do Componente Florestal em Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Práticas e Manejo de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária na Safra e Safrinha para as Regiões Centro-Oeste e Sudeste
  • Práticas e Manejo de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta com Componente Florestal para as Regiões Centro-Oeste e Sudeste
  • Práticas e Manejo de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta para a Região Sul
  • Práticas e Manejo de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta para a Região Nordeste
  • Práticas e Manejo de Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta para a Região Norte
  • Desempenho das Forrageiras Tropicais em Sistema de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Desempenho das Forrageiras Subtropicais em Sistema de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Pecuária-Floresta
  • Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta como Alternativa de Manejo Sustentável para a Produção de Leite
  • Experiências com Pecuária de Corte em Sistema de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Bem-estar Animal em Sistema de Integração Lavoura- -Pecuária-Floresta
  • Potencial de Mitigação da Emissão de Gases de Efeito Estufa por Meio da Adoção da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Potencial para Adoção da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária e de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta para Recuperação de Pastagens Degradadas
  • Potencial para Adoção da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta para o Uso Sustentável de Solos Arenosos
  • Atributos da Braquiária como Condicionador de Solos sob Integração Lavoura-Pecuária e Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Análise Econômico-Financeira da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
  • Transferência de Tecnologias para Adoção da Estratégia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

A edição digital foi convertida a partir da obra impressa, sem alteração no conteúdo. No final da publicação, caso ainda tenha alguma dúvida sobre o tema, há a possibilidade de enviar sua pergunta para a Embrapa.