Globo Rural Responde: Hibridismo

01/11/2012 21:18

 

O termo híbrido é empregado em várias áreas do conhecimento. Às vezes, dependendo ao que se refere, tem significado diferente. Em genética, por exemplo, híbrido significa que trata-se de um produto heterozigoto - resultante de cruzamentos de diferentes linhagens altamente endogâmicas, popularmente conhecidas como consanguíneas (quase puras). O exemplo mais conhecido é o milho híbrido, que deu origem ao termo 'vigor híbrido'.

Em zootecnia, a palavra híbrido é atribuída ao animal derivado de acasalamentos entre indivíduos de duas espécies diferentes. Suas características variam de acordo com o tipo de cruzamento utilizado.

Os híbridos mais conhecidos pela população humana são o burro e a mula, que nascem de acasalamentos do jumento e daégua, e o bardoto e a bardota, originados do acasalamento do garanhão com a jumenta. Há ainda o caso do 'beefalo', que é um híbrido resultante do acasalamento entre bovinos da espécie Bos taurus, principalmente das raças angus, charolês e hereford, com o bisão-americano (Bos bison) - aqueles dos filmes de faroeste. Existem vários tipos de hibridos, como mostra o quadro ao lado. Alguns são raros, como a 'zégua'. A seção Como Criar, na página 114, traz o manejo do peixe tambacu, um híbrido formado a partir do cruzamento da fêmea do tambaqui com o macho do pacu. Nas espécies de animais domésticos, em geral os híbridos são inférteis, como é o caso do burro e da mula e do bardoto e da bardota. No entanto, são animais de alta rusticidade, longevidade elevada e de boa capacidade de adaptação aos diferentes ambientes de criação. O 'beefalo' é uma exceção. Atualmente, há uma raça, reconhecida com o mesmo nome, composta de 5/8 de Bos taurus (bovino) e 3/8 de Bos bison (bisão), que pode ser usada com sucesso em cruzamentos com fêmeas de bovinos (Bos taurus e Bos indicus), principalmente para produção de carne.

Beefalo
Tambacu
Zebralo

EXEMPLOS DE ANIMAIS HÍBRIDOS
jumento e égua mula e burro
Bos taurus e Bos indicus 'beefalo'
fêmea do tambaqui e macho do pacu tambacu
zebra macho e égua zégua
cavalo e zebra fêmea zebralo

CONSULTOR: PEDRO FRANKLIN BARBOSA, pesquisador da Embrapa Pecuária Sudeste, Caixa Postal 339, 13560-970 São Carlos, SP, telefone (16) 3411-5600,sac@cppse.embrapa.br

Fonte Globo Rural on line