Brasil é a esperança da FAO na geração de alimentos

04/01/2016 16:03

A combinação de água, terras cultiváveis, tecnologia e alta produtividade fará do Brasil um grande protagonista na produção de alimentos diante do aumento crescente da classe média no mundo. A análise é do secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, André Nassar, que destaca ainda a importância estratégica do mercado asiático para o agronegócio brasileiro. Dados da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) mostram que, enquanto a população mundial cresce, a disponibilidade de terras agricultáveis cai continuamente. Mas o Brasil é exceção nesse cenário adverso. Com uma das maiores taxas de produtividade do mundo, o país apresenta potencial para expandir sua área agrícola em 70 milhões de hectares. Com essa área, é possível incrementar em 136% a atual produção de grãos e fibras, por exemplo, que hoje é de cerca de 210 milhões de toneladas. A FAO espera que o Brasil aumente sua produção agropecuária em 40% até 2019.

Fonte: Agronews com informações do Ministério da Agricultura